Estrada

Ciclismo de Ribeirão Preto participa da 76ª edição da Volta do Uruguai

em

Equipe de Ribeirão Preto para a disputa no Uruguai. (Foto: Divulgação)

A equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto participa de uma das mais tradicionais provas do ciclismo sul-americano, a Volta do Uruguai. Em sua 76ª edição, a competição promete muita disputa, equilíbrio e emoção. No total, os ciclistas devem percorrer aproximadamente 1.500 quilômetros, durante todo o período de provas, que vai do dia 12 a 21 de abril.

Para a competição, o técnico da equipe ribeirãopretana, Marcelo Donnabella, convocou seis atletas. São eles: Alessandro Guimarães, Rafael Andriato, Cristian Egídio, Mauricio Knapp, Jeovane Oliveira e Vitor Teixeira.

Um dos mais experientes do grupo e velho conhecido da prova em solo uruguaio, Rafael Andriato, vencedor de uma das etapas da competição em 2018, classifica a prova como bastante importante, já que está contando pontos para o ranking mundial, o que vai definir os atletas que se classificaram para as olimpíadas de Tóquio 2020.

“Hoje no Brasil não temos nenhuma prova internacional UCI, nível 2.2 como a volta do Uruguai, a única prova no Brasil que vale pontos para o ranking mundial é o campeonato brasileiro de estrada, então é muito importante participarmos de competições internacionais, principalmente este ano que vale vaga para as olimpíadas de Tóquio”, disse Andriato.

Já o técnico Marcelo Donnabella afirma que as expectativas são boas, já que o time ribeirão-pretano é bastante experiente e se preparou bem para encarar adversidades da competição.

“Nosso plantel é bastante qualificado, versátil. Acredito que podemos ter um desempenho bom nas provas. Nossa preparação foi bastante intensa, com competições, o que é a melhor maneira de se preparar para uma prova de alto nível. É importante render bem, porque conta pontos para o ciclo olímpico”, afirmou.

ETAPAS
1ª – Ciudad del Plata – Colonia – 155,6 km
2ª – Colonia – Mercedes – 183,1 km
3ª – Fray Bentos – Paysandu – 150,1 km
4ª – Colonia Itapebi – Artigas – 149 km
5ª – Artigas – Tacuarembó – 194,8 km
6ª – Melo – CRI – 33,6 km
7ª Treinta y Tres – Rocha – 199,3 km
8ª La Paloma – Rocha – Pinápolis – 199,3 km
9ª – San Jacinto – Durazno – 180,5
10ª – Trinidad – Montevideo – 193,8 km

Recomendado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *