Brasileiro de Pista

Ciclismo de Ribeirão Preto conquista medalhas no Brasileiro de Pista

em

Andriato e Egídio durante a prova Madison. (Foto: Luis Claudio Antunes/Bike76)

A equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto conquistou resultados expressivos no Campeonato Brasileiro de Ciclismo de Pista, disputado em Indaiatuba (SP), entre 4 e 7 de abril. Cristian Egídio foi campeão da prova Omnium e também medalha de prata ao lado de Rafael Andriato na prova Madison.

As vésperas da viagem para o Uruguai, onde a equipe participa da “Volta do Uruguai”, a participação no brasileiro de pista foi tratada como uma preparação para a competição internacional, por este motivo, apenas dois atletas foram para o campeonato, mas nem por isso o time ribeirão-pretano deixou de mostrar eficiência e conquistar medalhas.

A prova Omnium, vencida por Cristian Egídio, se consiste de quatro etapas (Scratch, Pontos Race, Eliminação e Prova por Pontos), onde as pontuações são somadas e no final o ciclista mais regular fica com o título. Egídio venceu as duas primeiras provas, mas na terceira acabou não rendendo o esperado e com uma má classificação, caiu para a segunda colocação. Na última etapa, a prova por pontos, especialidade de Egídio, o ciclista do time ribeirão-pretano cresceu nas últimas oito voltas e garantiu o título, o seu primeiro nesta prova.

Egídio em uma das provas da Omnium. (Foto: Luis Claudio Antunes/Bike76)

Egídio não escondeu a emoção de poder conquistar uma prova bastante importante dentro do ciclismo nacional. “Eu já havia conquistado o pódio nesta prova em algumas oportunidades, mas ainda não havia conquistado o título. Estou muito feliz em poder chegar no lugar mais alto do pódio. Agora é manter o foco, porque a Volta do Uruguai já está ai”, disse Egídio.

Cristian Egídio no pódio da Omnium. (Foto: Luis Claudio Antunes/Bike76)

A outra prova em que a equipe de Ribeirão Preto se destacou foi a Madison. Disputada em duplas, as pontuações são distribuídas a cada dez voltas, sendo que somam pontos apenas os quatro primeiros colocados. No final, a dupla que obtiver mais pontos é a campeã.

Cristian Egídio e Rafael Andriato já haviam participado da prova em outras oportunidades e por este motivo, o entrosamento entre eles facilitou na disputa da prova. A dupla ficou com a segunda colocação, conquistando a medalha de prata para o time ribeirão-pretano

Recomendado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *