Mountain Bike

Jaqueline Mourão e Letícia Cândido garantem dobradinha da Shimano na Taça Brasil de XC

on

Jaqueline e Letícia (1 e 2) no pódio da Taça Brasil. (Foto: Divulgação)

Os atletas de mountain bike do Shimano Sports Team fizeram bonito nas provas disputadas no fim de semana. Em Campo Largo (PR), dobradinha de Jaqueline Mourão (Sense Factory Racing) e Letícia Cândido (Corinthians Audax) na elite feminina da Taça Brasil de XC, ocupando o primeiro e o segundo lugares no pódio. Entre os homens, oito ciclistas da marca figuraram nas nove primeiras colocações, com destaque para Kennedi Lago (Squadra Oggi) e Ulan Galinski (TSW) na segunda e terceira colocações, respectivamente, da prova vencida por Guilherme Muller. Classe 2 na UCI (União Ciclística Internacional), a disputa ofertou 30 pontos aos campeões nos rankings olímpico e mundial.

No masculino, a vitória ficou com Guilherme Muller, da equipe Cannondale Brasil Racing. Veja a reportagem nesse link.

O top 10 da elite masculina na Taça Brasil de XC contou ainda com outros seis ciclistas Shimano, entre quarto e nono, respectivamente: Edson Rezende (Caloi Avancini Team), Daniel Grossi (Team Groove XCO), Carlos Alberto Olimpio (TSW), Rubinho Valeriano (Sense Factory Racing), Ricardo Pscheidt (Orbea Brasil Team) e Mario Couto (Sense Factory Racing). Entre as mulheres, Kelly Olimpio (TSW) foi a oitava no geral, enquanto Marcela Lima (Caloi Avancini Team) terminou em nono, faturando a sub-23. Na juvenil, outra vitória, desta vez com Giuliana Morgen (Sense Factory Racing).

Raiza no pódio. (Foto: Divulgação)

Abierto del Noa – San Pedro de Colalao, em Tucumã (ARG), foi palco, neste fim de semana, da primeira etapa do Abierto del Noa. A competição distribuiu 60 pontos aos campeões nos rankings UCI e teve vitórias do brasileiro Luiz Cocuzzi e da argentina Paula Quiros. Três ciclistas Shimano estiveram disputando as elites.

Raiza Goulão (Corinthians Audax) foi a quarta colocada, Bruno Lemes (Squadra Oggi) completou em sexto, enquanto José Gabriel Marques (Audax Corinthians) não concluiu a prova. Na júnior masculina, o triunfo foi de Gustavo Xavier, companheiro de equipe de Raiza e José Gabriel.

Recommended for you

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *