Base

Amanda Kunkel é bronze no CRI dos II Jogos Sul-americanos da Juventude no Chile

em

Amanda no pódio em Santiago. (Foto: Divulgação)

A brasileira Amanda Amanda Kunkel conquistou um ótimo resultado na prova de contrarrelógio individual dos II Jogos Sul-Americanos da Juventude que estão sendo disputados em Santiago, no Chile.

Neste domingo (1º), Amanda, que recentemente foi campeã brasileira juvenil de contrarrelógio e resistência , mostrou que continua em ótima forma e ficou com a medalha de bronze, terminando os 4 km em 6min04seg20.

O ouro foi para a argentina Daniel Muñoz (5min57seg30) e a prata terminou com a colombiana Maria Ortiz, que marcou o tempo de 6min01seg03.

Amanda durante a prova no Chile. (Foto: Wander Roberto/Exemplus/COB)

A prova foi disputada em um circuito em torno do Palácio La Moneda, sede do governo do Chile e a ciclista contou com a força e torcida de muitos brasileiros que estavam por lá. “Foi uma coisa muito legal. Eu não esperava tantos brasileiros assistindo e gritando o meu nome. É um incentivo. A cada grito era um empurrãozinhdo”, disse Amanda.

O técnico do Brasil, Emerson Silva comemora o resultado com Amanda. (Foto: divulgação)

Depois da prava na crono, Amanda ainda terá outras chances de medalhas nos Jogos Sul-americanos da Juventude. Ela ainda disputará a prova de estrada, com de 60 km e participará de provas na pista. “Estou muito feliz por saber que valeu a pena treinar tanto. Agora é bola pra frente e se concentrar para os próximos desafios”, afirmou.

Masculino
Já no masculino, o Brasil ficou perto de uma medalha, com Arthur Simeoni terminando na quarta posição. Ele terminou os 6 km da prova em 8min33seg37.

A medalha de ouro foi para o chileno Hector Quintana Vidal (8min23seg17); a prata para o colombiano Miguel Angel Castro (8min27seg36) e o bronze ficou com Rodrigo Corro, da Argentina (8min29seg64).

Recomendado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *